Boulevard > Apresentações Artísticas
 
Palco Giratório 2018 inicia no Pará  
 

A 21ª edição do maior circuito brasileiro de artes cênicas inicia a primeira etapa no Pará nesta quinta (28), às 19h, no Centro Cultural Sesc Boulevard, com  o espetáculo “Desastro”, de Neto Machado (BA). Nos dias seguintes (29 e 30), das 09h às 13h, os artistas Neto Machado e Jorge Alencar ministram a Oficina de Super Poderes. A entrada e inscrições são gratuitas. Para esse espetáculo a classificação é livre.

O Palco Giratório traz a participação de grupos nacionais e locais, promovendo o acesso a espetáculos de qualidade a um público amplo e diversificado. Todas as atrações são gratuitas. Além de se apresentarem, os grupos participantes também compartilham experiências e conhecimentos por meio de oficinas e mesas redondas, possibilitando o acesso a obras de artes cênicas e a difusão artística como ferramenta de transformação social.

"Desastro" brinca com o futuro que fazemos existir nas artimanhas da imaginação capaz de transformar um quarto no universo sideral. É como se os personagens de Star Wars dançassem ao som de David Bowie num episódio dos Power Rangers. Voltada, principalmente, para crianças e adolescentes, Desastro é uma coreografia neon, uma ideia de futuro inventada no passado, um universo construído a partir de um vômito de luz, tão apoteótico quanto um strobo forjado com o interruptor do quarto. Uma peça ao som de versões do hit Space Oddity de Bowie sobre um tal de Major Tom, numa viagem rumo ao desconhecido. Desastro é dança, mas não exatamente uma coreografia com passos no ritmo da música. É teatro, mas sem apego a uma história com início, meio e fim. É um concerto de rock’n roll, mas sem banda nem cantor. Desastro é o poder de dar luz a novos mundos.

 A Oficina de Super Poderes, que será ministrada por Neto Machado e Jorge Alencar (BA),  vem sendo elaborada ao longo dos processos de criação dos espetáculos “Kodak”, “Desastro”, Thor” e “Joohnny em Chamas”, frutos da parceria entre os artistas ministrantes. Assim como os espetáculos, a oficina acessa o universo infantojuvenil em suas várias plataformas artísticas - cinema, dança, HQ etc - para propor encontros com crianças, adolescentes e adultos, especialmente com pessoas que trabalham com/para o público infanto-juvenil - sejam professores, artistas, psicólogos, entre outros. Não é preciso ter experiência em artes para participar. A “Oficina de Super Poderes” a realizar um mergulho - ou um vôo - para dentro de cada participante, por meio de práticas de auto-percepção e auto-ficcionalização, organizadas como experimentações performáticas e jogos fantasiosos.

Nas próximas etapas, durante este ano, o Pará ainda receberá grupos de Paraná, São Paulo, Rondônia e Rio Grande do Sul.

Sobre o artista

O baiano, Neto Machado, começou a dançar e atuar aos 09 anos porque adorava Michael Jackson. Quando criança, não perdia um capítulo de Castelo Ra-tim-bum, Vídeo Tribo e O Mundo de Beakman. Neto já morou na França, nos EUA e num castelo alemão e já apresentou em mais de 50 cidades brasileiras e 15 países. Neto é fã de David Bowie e Daft Punk e, hoje, trabalha com o que a galera chama de arte contemporânea.  

Sobre o Projeto

Com 625 apresentações artísticas e mais de 1.600 horas de oficinas previstas para 2018, o Palco Giratório, iniciativa do Sesc de difusão e intercâmbio de artes cênicas, se consolida como a maior ação do gênero no Brasil. Ao longo de 2018, as atividades terão lugar em 132 cidades de 26 estados e Distrito Federal, trazendo uma programação caracterizada pela diversidade de expressões, qualidade de espetáculos e ações formativas com grupos das cinco regiões brasileiras. Como sempre, a proposta é destacar questões presentes na contemporaneidade por meio da arte.

Nesta 21ª edição, o Circuito Especial do Palco Giratório destaca o circo, e tem como homenageado o Palhaço Biribinha. Patrimônio Vivo da Cultura Alagoana, Teófanes Antônio Leite da Silveira tem um histórico de engajamento e resistência para com as artes circenses no Brasil. Para o Circuito Especial, uma lona de circo ficará montada pelo período de até 20 dias nos estados por onde circular, funcionando como ponto de encontro para apresentações de grupos circenses locais, ações formativas, palestras e números - além das apresentações da própria Cia. Teatral Turma do Biribinha.

O processo de seleção dos grupos participantes do Palco Giratório é feito por uma equipe de curadoria composta por 34 profissionais do Sesc, de todo o Brasil. Ao longo do ano, os curadores indicam até cinco espetáculos de seus estados, que são apreciados pelo grupo durante o Encontro Nacional de Artes Cênicas.Partindo da diversidade, aspecto-chave do Palco, são analisados critérios como a heterogeneidade de expressões artísticas, regiões, estados e faixas etárias dos espetáculos. Para 2018, foram selecionados 20 grupos provenientes de 12 estados e do Distrito Federal.

 

Serviço:

Palco Giratório

 

Belém

Espetáculo “Desastro", Com Neto Machado (BA)

Dia: 28/06/2018

Hora: 19h

Classificação: livre

Entrada Franca

 

Oficina de Super Poderes, com Neto Machado e Jorge Alencar (BA)

Dias: 29 e 30/06/2018

Horário: 09h às 13h

Faixa Etária: a partir de 07 anos

Inscrições Gratuitas

Local: Centro Cultural Sesc Boulevard (Boulevard Castilho França, 522/523)

 

Informações: (91) 3224-5654/3224-5305 (Centro Cultural Sesc Boulevard)

                       (91) 4005-9584 / 4005-9587 (Coordenação de Comunicação do Sesc no Pará)

cecomsescpa@gmail.com

www.sesc-pa.com.br

Facebook: Sesc Boulevard

Foto: Patricia Almeida

 
 
Publicado em 25/06/2018
 

  Matérias Relacionadas:


SEDE ADMINISTRATIVA

Sesc - Serviço Social do Comércio
Av. Assis de Vasconcelos, nº 359 6º andar
Bairro Campina - CEP: 66010-010
Belém - Pará

 

Central de Atendimento: (91) 4005 - 9519
centralatendimento@pa.sesc.com.br
Ouvidoria

 


Serviço Social do Comércio — Departamento Regional do Pará       www.sesc-pa.com.br   Todos os direitos reservados